top of page

Energia solar cresce 56% em um ano e atinge 39 GW no Brasil

Projeções indicam que capacidade instalada deve chegar a 45 GW em 2024



O Brasil ultrapassou a marca de 39 GW em capacidade instalada de energia solar na somatória de GC (Geração Centralizada) e GD (Geração Distribuída), segundo dados da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

De acordo com o órgão regulador, em fevereiro do ano passado o país tinha 25 GW de potência instalada. Desde então, houve um aumento de 14 GW, o que corresponde a 56%.


Geração distribuída

Atualmente, em GD solar, o país conta com cerca de 26,8 GW em capacidade instalada, distribuídos em 2,3 milhões de sistemas fotovoltaicos. Além disso, esses sistemas atendem quase 3,5 milhões de unidades consumidoras em 5.547 municípios brasileiros (99,5% das cidades do país).


Os estados que lideram são São Paulo e Minas Gerais, ambos com mais de 3,5 GW instalados. Neste momento, 10 estados já ultrapassaram a marca de 1 GW de capacidade.

Já as classes de consumo mais atendidas pelo segmento são a comercial e residencial, com 7,79 GW e 12,93 GW, respectivamente.

Geração centralizada

Já no segmento de GC o país conta, no momento, com 12,22 GW em capacidade instalada em mais de 18 mil usinas em operação. Cerca de 170 novas usinas fotovoltaicas, que acrescentarão outros 7,2 GW, já estão em construção.


Em fevereiro do ano passado, a capacidade instalada em GD  e GC era de 17,29 GW e 7,72 GW respectivamente. Ou seja, houve um crescimento desde então de 9,5 GW em GD e 4,5 GW em GC.


Projeções conservadoras da ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica) para 2024 indicam que o Brasil deve terminar o ano com mais de 45 GW de capacidade instalada.


9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page